Este é o mais novo espaço de nosso Arraial, buscando sempre semear novos conhecimento e esclarecimentos na divulgação da Doutrina dos Espíritos...

23 de ago de 2012

MÉDIUNS E DOENTES...MÉDIUNS DOENTES !


Há relação entre doença psiquiátrica e causas espirituais?
O que é  "loucura obsessional”?
A Medicina reconhece a influência dos Espíritos?

O Dr. Adolfo Bezerra de Menezes nos ofertou um maravilhoso estudo psíquico-fisiológico intitulado “ A loucura sob novo prisma”. No prefácio do livro temos um trecho interessante:

“... O doutor Adolfo Bezerra de Menezes, médico, um dos mais notáveis vultos  do Espiritismo no Brasil, desencarnado logo no início deste século [século XX], na cidade do Rio de Janeiro, procura demonstrar, na sua obra "A loucura sob novo prisma", editada pela FEB, que além de casos  de loucura por lesão do  cérebro há os que ocorrem sem que se registre tal lesão e cuja causa, por conseguinte, é puramente espiritual. Trata-se da “loucura obsessional” ou  “loucura por obsessão” e que diz respeito à atuação de um Espírito  desencarnado sobre outro, encarnado. A obra do doutor Adolfo Bezerra de Menezes é antes um estudo psíquico-fisiológico que mera hipótese de trabalho. Propõe-se resolver, e resolve, as seguintes questões preliminares: 1ª - Existe a alma? Qual a sua natureza? 2ª - Como se  relaciona a alma com o corpo? 3ª Qual a origem do pensamento? 4ª - Quais as relações do pensamento com o cérebro? Como vemos, são questões de relevante interesse para a Humanidade e que o autor coloca como essenciais ao objetivo da obra: provar que há casos de loucura — e que não são poucos — cuja causa reside única e exclusivamente na envolvência persistente, acentuada e maligna que um Espírito desencarnado exerce sobre a criatura humana.”


Há muito esperávamos que fossem considerados pela Medicina, os fatores espirituais como causa de doenças emocionais e distúrbios psiquiátricos. Felizmente já notamos alguns progressos da Ciência Médica neste sentido, uma nova postura diante da questão.
No século passado, dr. Bezerra já nos falava sobre isto, que há casos de loucura por lesão cerebral e outros casos onde não há lesão, ou seja, a causa é espiritual, em função da atuação espiritual de um agente externo, um Espírito obsessor. E há uma terceira situação,  casos que se não forem tratados adequadamente, ou seja,  pela terapêutica médica e  espiritual, podem vir a causar uma lesão física pelo tempo de atuação espiritual sobre o doente.
Embora o termo usado seja um pouco pesado, “loucura”, entenderemos como perturbações psiquiátricas em vários níveis, o que fica mais próximo de nossa realidade atual.
Em 1998, a Organização Mundial da Saúde (OMS) incluiu o bem-estar espiritual como uma das definições de saúde, ao lado do aspecto físico, mental e social. Podemos dizer que hoje a sua visão se ampliou e considera no homem o corpo, a mente e o espírito.
A influência dos Espíritos entrou oficialmente  para a Medicina como possessão e estado de transe, como item do CID 10 (Código Internacional de Doenças), item F.44.3 – que define estado de transe e possessão como a perda transitória da identidade com manutenção de consciência do meio-ambiente, fazendo a distinção entre os normais, ou seja, os que acontecem por incorporação ou atuação dos espíritos , dos que são patológicos, provocados por doença. Além deste fato, a  Faculdade de Medicina  criou em seus cursos de Medicina a cadeira de "Medicina e Espiritualidade", obrigatória e coordenada por nosso querido psiquiatra espírita Dr. Sérgio Felipe de Oliveira.
Todos estes fatos vêm comprovar agora o que Dr. Bezerra já nos disse no século passado, distinguindo os distúrbios psiquiátricos por causas patológicas e por causas espirituais.
O estudo da mediunidade, a assistência espiritual baseada no Evangelho de Jesus e na moralização do médium, poderão esvaziar bem nossos hospitais psiquiátricos e oferecer uma condição de vida digna a muitos pacientes...que nada mais são do que médiuns desequilibrados, que precisam aprender a usar a  faculdade que possuem  para a Mediunidade com Jesus !

Muita luzzzzzzz


Luciane Ruis



4 comentários:

  1. QUE MARAVILHA DE TEXTO , MUITO IMPORTANTE A GENTE ENTENDER E COMPREENDER, E PODER ESCLARECER AOS AMIGOS ... OBRIGADO.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou irmã querida. Citou um ponto muito importante, o esclarecimento das pessoas... precisamos fazer essa tarefa de amor.
      Agradecemos a participação.
      Deus contigo sempre.

      Excluir
  2. Anônimo12:34

    Destaco, nesse tema, as cusas patológicas e as causas espirituais. Apesar do avanço da Medicina, ainda vemos pessoas com transtornos psíquicos serem tratadas, apenas, com terapêutica medicamentosa (psquiatria), psicoterapêutica (psicologia/psicanálise), abordando,somente , os sintomas, desconsiderando que o homem é um ser físico, mental e espiritual, o que não produz os resultados ou o resultado a ser atingido, que é tornar o ser humano, na sua longa trajetória, mais feliz e mais seguro do seu destino. O Dr. Sergio Felipe desempenha um papel relevante nessa mudança de abordagem do "doente". Temos publicações atuais, também, com a de Suely Caldas Schubert, "Transtornos Mentais", editora InterVidas, 2012,que traz uma contribuição valiosa para os processos terapêuticos. A obsessão é fato, devido à grande pressão que o homem sofre nos dias atuais. A mediunidade mal orientada acarreta descompensações emocionais,mentais e físicas, que levam os indivíduos à alucinação. Este é um desafio para a Medicina, que, ainda, não considera exemplarmente válidas as contribuições espíritas. Mas, não posso afirmar que não houve progresso. Regina Corrêa de Sá

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito gratas as observações, colaboram muito para o tema, irmã querida.
      Agradecemos a amorosa e constante participação,sempre contribuindo de forma positiva.
      Deus contigo sempre.

      Excluir

O objetivo do blog é apresentar a mediunidade à luz da Doutrina Espírita.
Estabelecemos a gentileza e a cortesia como norma de tratamento entre todos, sempre respeitando a opinião do próximo, para que estejamos sempre em um padrão vibratório positivo, que atrairá a proteção dos Benfeitores Espirituais para nosso trabalho.